Queda de Cabelo: O Que Fazer Quando os Fios Não Param de Cair

Não há como negar… Normalmente quando alguém começa a apresentar os primeiros sintomas de calvície, duas coisas acabam indo pelo ralo: os cabelos e a auto confiança.

Um estudo feito na Espanha constatou que 62% dos homens que foram entrevistados e que tinham problema com queda de cabelo, também disseram que tinham uma baixa auto estima por causa disso.

Segundo o Dr. Albert Mannes da Universidade da Pensilvânia, cabelos saudáveis estão ligados a uma percepção de juventude e virilidade, ou seja, quando a queda de cabelo começa, é um sinal de que a idade está chegando.

Mas se engana quem pensa que é a calvície aparece apenas em idades bem avançadas. Cerca de dois terços dos homens com mais de 35 anos já começam a ter problemas com a queda de cabelo.

Um dado ainda mais alarmante indica que 50% dos homens aos 15 anos já têm uma aceleração na queda de cabelo, mas aos 40 anos esse número pode chegar a 90%.

Um dos culpados é o DHT, que é um sub-produto da testosterona. O DHT faz com que os cabelos comece a ficar cada vez mais finos até que param de crescer e de nascer.

O que fazer quando os cabelos começam a cair muito?

É preciso entender que é normal perder cerca de 50 fios de cabelo todos os dias. Em uma pessoa que não tem problemas com queda de cabelo, esses fios logos começam a nascer.

O grande problema acontece quando os fios caem e não nascem novamente, ou então começam a nascer cada vez mais finos.

Hoje em dia já existem várias maneiras comprovadas de evitar e até mesmo acabar com a calvície, mas é preciso cuidado para não cair em falsas promessas que podem prejudicar a saúde dos seus cabelos e também a saúde do seu bolso.

Algumas dicas importantes que você deve entender para melhorar a saúde dos seus cabelos e evitar a queda excessiva são:

Cuidado com os produtos químicos

Esse conselho é mais voltado às mulheres que têm problemas com a queda de cabelo e usam de forma descontrola vários tipos de produtos químicos que agridem os fios e o couro cabeludo.

Tem gente que abusa muita: faz alisamento, depois resolve enrolar, depois resolve mudar de cor, depois quer descolorir, ai resolve mudar para uma outra cor…

Não há cabelo que aguente.

Evite ao máximo agredir seu cabelo com ações tão radicais. Caso realmente precise, veja se o seu cabeleireiro faz um tratamento para minimizar essas agressões, como a utilização de selantes, queratina, aminoácidos e ceramida.

Cuide da oleosidade

A oleosidade excessiva é uma grande vilã quando o assunto é queda de cabelo, pois dificulta o crescimento dos fios e ainda por cima pode causar descamação no couro cabeludo e até mesmo fungos.

A boa notícia é que é realmente bastante simples combater esse problema: basta lavar os cabelos todos os dias.

Mas tome cuidado com a temperatura da água, pois se ela estiver quente, ajudará seu organismo a produzir ainda mais gordura.

O ideal é que a água esteja morna ou até mesmo fria quando for lavar seus cabelos.

Fique longe do cigarro e do Sol

Não é segredo pra ninguém que o cigarro faz um mal enorme à nossa saúde e o Sol em excesso também.

E parece que essa dupla também faz com que nossos cabelos caiam com mais facilidade.

Em um estudo feito em 2011 pela Associação Americana de Cirurgia Plástica com 66 homens que são gêmeos idênticos, revelou que a genética é sim um fator importante para a calvície, mas a exposição ao Sol e ao cigarro também contribuem bastante para a queda de cabelo.

Tome mais café

Essa é uma boa notícia para quem gosta de tomar um cafezinho.

Um recente estudo do Jornal Internacional de Dermatologia mostrou que a cafeína estimula o crescimento dos cabelos, pois bloqueia parte do DHT em nosso organismo.

O problema é que o estudo chegou à conclusão de que são necessárias mais de 50 xícaras de café por dia se começar a ter bons resultados.

É muito café.

Mas hoje em dia é possível de encontrarmos shampoos e soluções que contém cafeína que podem ser usados na lavagem dos cabelos.

Não se estresse tanto

O estresse é um conhecido causador da queda de cabelo, causando principalmente a alopecia areata, que é uma espécie de calvície que causa quedas arredondadas e ovaladas no couro cabeludo.

Quando estamos muito estressados, o sistema de imunização do nosso organismo pode atacar os folículos capilares.

A boa notícia é que, nesses casos, os cabelos voltam a crescer assim que o quadro de estresse for solucionado.

Agora que você já sabe o que fazer quando seus cabelos começam a cair, basta colocar em prática todas essas informações.

Se tiver alguma dúvida ou observação é só escrever nos comentários logo abaixo.

Dê uma nota para esse conteúdo

Queda de Cabelo: O Que Fazer Quando os Fios Não Param de Cair

About The Author
-

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>